sábado, 27 de outubro de 2007

Cinema Com Rapadura é indicado como um dos melhores sites de cinema.
porque é muito bom chegar e ler uma matéria reconhecendo o trabalho da equipe da qual você faz parte. a matéria saiu no caderno Zoeira, do jornal Diário do Nordeste.

"
O cearense Cinema com Rapadura (cinemacomrapadura.com.br) é um dos melhores portais brasileiros. O sucesso é tanto que hoje tem ramificações no jornal e na televisão."

workaholic de carteirinha.

já viu uma pessoa em pleno sábado, no fim da manhã, acordando de uma farrinha e indo para uma reunião de trabalho morta de feliz? e saindo da reunião com tópicos da agenda riscado e entrando em um almoço tranquilo com uma parceira-amiga para continuar discutindo coisas do trabalho? é, acho que é uma leve identificação de workaholiquismo. e é tão bom :D

- oi, eu sou a maíra e sou viciada em trabalho.

sim, porque ele também é afrodisíaco. homem inteligente e bem-sucedido, ou pelo menos com uma perspectiva (boa) de vida é digno demais. aff..

pagamento de pau.
é esse um dos motivos por eu ser fã-fã do Wagner Moura. o homem tem uma voz daquelas e ainda é um ótimo ator. ok, too much para a suspirinho. já quero demais um do mesmo número de série. peço por sedex?

quase no Dendê, com o Bope e o Nascimento.
e já que falei no Wagner Moura, lembro logo da situação super-adrenalina da noite de ontem com dois amigos maravilhosos. estamos em um posto de gasolina, daqueles que rola as lojinhas de conveniência e sempre tem pessoas bem "convenientes" procurando por conveniências e convivências. pois bem. do nada, chega um carro da 'puliça" com a galera fardadinha e com aquela boinazinha copiada do personal stylist do Guevara. "eita!". pois é. já imaginei o Bope chegando e eu doida pra me jogar de trombadinha no meio para ser "pega" pelo Capitão Nascimento, estupidamente apelidado por "Captain Birth" por uma criatura aculá ¬¬. mas não era o Bope nem o Capitão. era só um pouco de ação policial no nosso meio de noite.

"siga aquele carro!"
e como se não bastasse o pseudo-Bope aparecer, ainda rolou um encontro tronxo no posto com um carioca que resultou numa perseguição digna de um filme de ação. não sei o que era maior: a vergonha ou a empolgação por estar numa situação daquelas.

quando não se tem nada a perder.
enfim, quando você não tem nada para fazer numa noite e não tem nada a perder, com as companhias certas, o nada vira o tudo, do bom e do melhor. foi o que me aconteceu ontem, quando me juntei com dois amigos e a vontade de passar o tempo bem. com direito a coquetéis, fofocas, paqueras, perseguições e o que mais a noite tinha para dar direito, nunca vi um grupo de criaturas para se divertir tanto com o que poderia ser uma noite enfadonha e digna de passar em branco. morro de orgulho dos meus amigos. antes só do que mal acompanhado, é verdade. e melhor é saber que o "estar só" dificilmente será "conjugado" e o "bem-acompanhado" é sinônimo de estar com eles.

"como assim, você não me disse!"
olha só: roupa suja se lava em casa. isso é uma coisa que os casais tem que aprender. ficar dando ceninha na frente de terceiros não pega bem. não dá audiência e acaba com a imagem da pessoa, sabe? e pior que, vira-e-mexe, é a mulher que apronta uma dessa. putz, esse tipo de mulher me mata de vergonha. mas enfim, acontece. que nem aconteceu hoje com uma amiga. bom que vira motivo de piada depois, entre a gente. mas que é brega, é.

pequena abóbora.
sabe aquela música do Aerosmith? "Hole in my soul"? Digno melô para o sexo anal. pensei nessa besteira quando vi uma coluna do Dr. Jairo que o título era: "sexo anal não tira virgindade". pois é.

três publicitários conversando.
- cara, eu não aguento a cabeça do povo daqui...
- o lance é ir pra Sampa dar uma espairecida.
- pois é, eu viro depressivo quando leio as revistas da ESPM ou da Meio&Mensagem...
- tá vendo: é por isso que tem tanto emo por aqui...

e já que falamos em emos e em "hole in my soul", tem esse videozinho que casa os dois.

mais um na lista.
chega mais um filme pra "lista de filmes que estou desesperada para ver". além de "i´m not there", "piaf", "tha dark night" e outros mais, chega "across the universe". tem Beatles, é cinema e tem experimentações bonitas de se ver. já quero.



Um comentário:

isabel b. disse...

post super completo! adorei. preciso papear no meio da semana, ó. urgente. te ligo amanhã!